Páginas

VÍDEO DO DIA

Pat & Tiffany - o lado bom da vida


O link do evento é esta imagem, CLIQUE nela para mais detalhes!



Fui ver o filme "O lado bom da vida" com Lígia, minha namorada, e achei fascinante a forma transgressora com que Tiffany conquista o problemático e conservador Pat. A personagem vivida por Jennifer Lawrence (Oscar por essa interpretação), assume com convicção suas taras e loucuras, extravasando-as, dentre outras formas, através da dança.

O mote ficou no meu inconsciente e me inspirou a canção que agora trago pra vocês.

Esta canção conta a história de um amor libertário com que uma mulher "resgata", digamos assim, um homem travado em sua vida vazia. A partir daí ambos seguem juntos, baseados num amor que não mais aprisiona.

A palavra "marcha" tinha que entrar na letra pois eu queria uma sutil citação a Marcha Mundial das Mulheres. Assim como também quis que a música, desde o princípio, fosse uma metáfora romântica a transformação benéfica e indispensável que as mulheres estão, há décadas, causando no universo masculino.

Nesse dia mundial das mulheres, dedico essa música a elas, que reinventam (pra melhor), todos os dias, as sociedades do mundo.

Música, letra, arranjo, produção e execuções:
Galldino

Pat & Tiffany - O lado bom da vida

Ele era o chão-nos-pés
E mil constelações
Dormiam, céus anis,
Sobre seus ombros vis

Seus tabus,
Fel e pus,
Tantos nós:
Medo atroz

E ela, lua e sol:
Nunca se fez de ré
Nunca temeu cair
Nunca fincou seu pé

Se tinge
De amores
Tantos tons
Sem pudores

Marcha por um fim que traga a novidade
Jura transgredir em cumplicidade
Sonha alcançar plena liberdade
E maturidade pra libertar

Ela o viu
Desmontou-o
Desarmou
Se encantou

Marcham por um fim que traga a novidade
Juram transgredir em cumplicidade
Sonham alcançar plena igualdade
Marcham por um fim que traga a novidade
Pra libertar

***

Baixe de graça:
Compartilhe!

Ama a vida e segue!