Páginas

VÍDEO DO DIA

Cachaça não é água. Flauta doce não é brinquedo.

Colabore com a nossa "caixinha" de e-mails. Deixe o seu aqui ao lado!


Qual será o motivo pelo qual a maioria das pessoas relacionam a flauta doce à brinquedos ou, no máximo, veem-na como um semi-instrumento pra iniciação musical?

De sonoridade belíssima, esse instrumento tem sua origem no folclore da antiga Europa, sendo o mais popular dos instrumentos musicais na Idade Média. Mas, antes, trata-se de um ancestral.

A flauta doce de Dordrecht, por exemplo, é considerada o mais antigo e completo instrumento ainda existente: data do século XIII.

Medieval, renascentista, apogeu no século XVI, solista no século XVII… Ganha uso profissional no século XVIII mas a partir do XIX passa a ser vista como amadora e vai sendo subjugada pela flauta transversal no advento da orquestra clássica que carecia de instrumentos com mais recursos sonoros.

Provavelmente a idéia de que a flauta seja apenas um brinquedo, hoje em dia, venha de sua incorporação, em 1935, às escolas primárias inglesas.

Na realidade, esse pequeno instrumento tem técnicas, recursos e intérpretes exuberantes.

Você está ouvindo Orfeu negro por Ivan Meyer.

Ama a vida e segue!
@galldino