Páginas

VÍDEO DO DIA





D7
Caminhava na praça da
Seleiro do esconjuro
D
Onde bóias-frias ainda disputavam grão
D7
Afundava no mundo o
Atravancava o futuro
D
Era a obsolescência
Que lhe negava
                              D/C#  D
Bem mais que virtuais
                  D/C#      D
Virtudes reais
D/B        D/A        G
Farrapos, rotos:
D/B         D/A           G
Além dos labels!
D           G                  D
Acessam são “ins”?
D                     G           D
Saem buscando “sis”?
D/C                    G/B           D/A
Crê num mistério novo
D/C              G/B           D/A
Peita velhos canhões
D/C             G/B           D/A
Grita cantigas doces
D/C            G/B           D/A
Profere seus refrões
___
                  D   D/C   D
Tornemos salões e praças nossas
Domemos leis e leões
Tomemos a história à nossa pena
O destino pelas mãos

***
 
Nas mentes resignada
Obscurecer e couraça
Causava tremor, alívio e inanição

Cantava aos brados de
Hinos à própria mordaça
Era a obsolescência
Que lhe negava

*
Bem no fim do léu
Surge um beleléu
Mas o antigo neo
Despiu-se do véu

Acertando teens?
Recriando sins?

Harmonia:

D7 * D * D (2x)

D * D/C# * D (2x)

D/B * D/A * G (2x)

D * G * D (2x)

D/C * G/B * D (4x)

D * D/C * D (32x)